IMPOSTO DE RENDA 2021

O que você precisa saber sobre prazos e declarações



O IRPF _ Imposto de Renda sob Pessoa Física, é considerado o tributo mais importante do país, por ser relacionado sobre a renda de todos os contribuintes brasileiros que moram dentro ou fora do Brasil.

Para saber mais sobre esse assunto, INSIDE conversou com o contabilista Fernando Gonçalves, do Bandeirante Contabilidade em São Joaquim da Barra. 

De acordo com ele, este ano ainda não há confirmação se o prazo será ampliado, como no ano passado, por conta do auge da pandemia. 

“Todos os anos, a entrega da declaração de imposto de renda acontece nos meses de março a abril. No ano passado, o governo federal ampliou o prazo para 30 de junho pois, com muitos estabelecimentos fechados, não foi possível o atendimento dentro do prazo”.

Fernando explica também que é muito importante fazer essa declaração com um profissional especializado, pois cada vez mais a Receita Federal aprimora o cruzamento de informações, tornando o preenchimento do IRPF mais complexo e passível de erros para restituição.

Veja a seguir os principais tópicos listados pelo profissional e atente-se.


Publicidade



Quem está obrigado?

Os principais casos que obrigam o contribuinte a entregar a declaração são: 

. Quem teve rendimentos tributados de acima de R$ 28.559,70. (rendimentos com salário, por exemplo);

. Rendimentos isentos de acima de 40.000,00;

. Quem vendeu imóvel com lucro;

. Operou em bolsa de valores; 

. Tem bens em valores superiores a R$ 300.000,00;

Como todos os anos o salário mínimo é reajustado e o limite que obriga a entrega da declaração não pagamos mais imposto a cada ano ou restituímos menos.



Quais os modelos de declaração de imposto de renda? Existe uma opção mais vantajosa que a outra?

Existem duas opções de declaração: o modelo simplificado e o modelo completo. 

O modelo simplificado, tem este nome justamente por ser mais simples. Não se lança nenhuma despesa. 

Já o modelo completo, é permitido lançar diversos itens considerados despesas dedutíveis, diminuindo o imposto a pagar ou aumentando a restituição a receber.  

Sendo assim, para quem tem filhos, plano de saúde e demais despesas de saúde, pode se beneficiar se optar pela declaração completa.


Quais as principais despesas consideradas dedutíveis?

As principais despesas dedutíveis no imposto de renda:

- Saúde: plano de saúde, consultas médicas, psicológicas ou odontológicas particulares, despesas com terapeutas ou fisioterapeutas

Educação: Escola particular, faculdade ou pós graduação. 

Vale a pena lembrar que, despesas de saúde com estética, não são consideradas despesas dedutíveis e ao se lançar alguma despesa, sempre o fazer com documentos em mãos. A receita pode pedir a comprovação do documento.


Aposentados e pensionista têm que declarar?

Sim, precisam declarar caso ultrapassem a renda que obriga a fazer a declaração, no caso os R$ 28.559,70 ou qualquer outro item que os obrigada a entregar a declaração de imposto de renda. É muito comum o contribuinte achar que não está obrigado por conta da idade.

Outro fato bastante comum é, o aposentado ser também pensionista, ou vice-versa. Com o somatório dos dois rendimentos ele está automaticamente obrigado a entregar a declaração e muitas vezes recolher o imposto. 


O que acontece se não for entregue no prazo?

Declaração de imposto de renda entregue fora do prazo gera multa de R$ 165,74 e o contribuinte fica com o CPF com pendências. Estas pendências impedem o contribuinte de abrir conta no banco e até de fazer compras. 

Para quem perde o prazo e tem imposto a recolher, a situação fica ainda pior: além da multa por atraso, paga o imposto com multa e juros. Portanto, vale a pena ficar antenado no prazo, que se não houver prorrogação, se encerra às 23h:59 do dia 30/04.


Não deixe tudo para última hora, pois quanto mais adiantado for o processo, mais benefícios financeiros você pode ter.



ÚLTIMA EDIÇÃO

GALERIA